Equilibro, o mais buscado

Nós somos tríade: mente, corpo e espírito. Quando deixamos de alimentar um desses elementos as outras áreas sentem, embora os efeitos não sejam imediatamente aparentes. Nesse estilo de vida cada vez mais atribulado e exigente que estamos inseridos fica difícil manter um equilíbrio entre as principais áreas da vida. Por experiência própria, afirmo ser quase impossível; ainda mais porque a maioria das pessoas vive em ‘fases’.

Há quem fique a todo momento com a cara enfiada nos livros ou passe horas dentro da academia, ou ainda passe mais tempo do que o recomendado em meditação. Já fiz os três e sei que nenhum deles me satisfez, pois, apesar de sentir a satisfação de trabalho feito ainda faltava algo que nunca era alcançado.

Não escrevo sobre isso pois encontrei a grande solução para a humanidade, pobre de mim, mas sim porque percebi isso muito presente em mim. Manter equilibro é luta, como quase tudo na vida.

O que uso como estratégia é escrever listas do que tem que ser feito e mais ou menos quantas horas posso prover para cada atividade. Seria muito bom também, se possível, intercalar as atividades das diferentes áreas. Sabemos que a quantidade de tempo que uma pessoa consegue estar realmente concentrada para absorver conteúdo de estudo é relativamente curto, então procure fazer pausas e nelas agilize atividades de outras áreas assim você espairece e descaça o cérebro.

Alimente o trevo por igual e assim as três pétalas estarão bonitas e vistosas.


Comentários

Postagens mais visitadas